Energia das pedras

I Like This - pretty gem wind chime.  NOw we know what to do with our rocks!  Love this!:

Uma espantosa variedade de pedras nos aguarda para ser usada em magia. Existem em formas infinitas, com aparência cristalina e até coloridas. Seus usos em magia são incrivelmente variados.

As pedras são depósitos de energia e nós as utilizamos na magia para efetuar transformações.
Existem dois tipos básicos de energias dentro das pedras e eles contêm todas as várias vibrações delas: as que atraem o amor, repelem a negatividade e assim por diante. São as energias emissoras e receptoras.
São manifestações das formas mais puras de energias universais que criaram tudo o que existe. Possuem vários símbolos. Na religião, são conhecidas como Deus e Deusa. Em astronomia, o Sol e a Lua. Nos seres humanos, masculino e feminino.

Eis mais algumas associações:
EMISSORAS
elétrica
quente
dia
físico
brilhante
verão
faca
ativo

RECEPTORAS
magnetita
fria
noite
espiritual
escuro
inverno
taça
inerte

Esses poderes se encontram por toda a parte no universo. Estão presentes em nós mesmos e no planeta. Segundo o pensamento mágico, encontram-se dentro de nossos corpos. Falando simbolicamente, é por isso que podemos ter filhos de um sexo ou de outro e praticar todas as formas de magia.
As energias receptoras e emissoras estão ambas dentro de nós. Essas forças nada têm a ver com nosso sexo físico. Ou melhor, não deveriam, mas já que somos treinados desde o nascimento para acentuar a energia que combina com o nosso gênero físico, os desequilíbrios são bastante comuns.
Os meninos são vestidos de azul, ensinados a jogar basquete, a usar calças etc. Embora hoje em dia isso esteja mudando, esse ainda é o normal.
Um dos objetivos do mago é alcançar o equilíbrio perfeito dessas duas forças gêmeas. Quando se tornam desequilibradas, quando uma energia é mais abundante ou acentuada do que a outra, o mago também fica assim.
Uma presença excessiva de energia emissora torna o mago irritável, agressivo, zangado e demasiado analítico. Com relação à saúde, esse desequilíbrio pode levar a úlceras, dores de cabeça, pressão alta e outros males.
Excesso de energia receptora provoca melancolia, letargia, depressão, desinteresse e isolamento do mundo físico. Outros possíveis problemas são pesadelos, dependência afetiva, desemprego, queda das defesas imunológicas e hipocondria.
Se e quando notar um desequilíbrio de sua energia, use pedras do tipo oposto para ativar essa força (veja Parte IV para uma lista dessas pedras).
Voltemos às pedras. As pedras emissoras são as brilhantes, extrovertidas, agressivas e elétricas. Possuem energias fortes e dominantes que repelem o mal, vencem a inércia e criam movimento.
As pedras emissoras ajudam a acabar com a doença, reforçam a mente consciente e preenchem o portador com coragem e determinação. São usadas para promover energia física, atrair a sorte e o sucesso. Na magia, podem ser usadas para acrescentar mais força ao ritual.
Essas rochas e minerais são usados de duas formas principais: Para expulsar energias negativas e não desejadas ou introduzir energias num objeto ou pessoa. Uma mulher que use uma cornalina para ter coragem, por exemplo, absorve essas energias. A mesma mulher, desejando repelir a negatividade presente em seu corpo, capacitaria a pedra, pela visualização, para esse fim. Assim, em vez de introduzir energia na mulher, a pedra a levaria para longe. Claro que o segredo é a visualização.
As pedras emissoras contatam a mente consciente. Geralmente são densas ou pesadas, às vezes opacas, e podem ser vermelhas, laranja, amarelas, douradas ou transparentes. Também podem brilhar ou cintilar como o Sol. Exemplos de pedras e minerais emissores incluem o rubi, o diamante, a lava, o topázio e a rodocrosita.
As pedras emissoras estão associadas ao Sol, Mercúrio, Marte, Urano e aos elementos Fogo e Ar. (Para maiores informações sobre os elementos, veja a Parte IV.) Também se relacionam às estrelas, já que estas são apenas sóis distantes.
As pedras receptoras são o complemento natural das emissoras. São reconfortantes, calmantes, introvertidas e magnéticas, promovendo a meditação, a espiritualidade, a sabedoria e o misticismo. Criam a paz.
Essas pedras promovem a comunicação entre o consciente e o inconsciente, fazendo brotar a sensitividade. Irradiam energias que atraem o amor, o dinheiro, a cura e a amizade. As pedras receptoras são bastante usadas para centramento, para estabilizar e reforçar a ligação com a Terra.
Como as pedras emissoras, as receptivas também são usadas de duas maneiras principais: o lápis-lazúli é usado para atrair o amor e, energizada diversamente, será capaz de absorver a depressão e criar a alegria.
As pedras receptoras são encontradas numa grande variedade de cores – verde, azul, verde-azulado, violeta, cinza, prateado, cor-de-rosa, preto (ausência de cor) e branco (todas as cores combinadas). Também podem ser opalescentes ou translúcidas, e terem um orifício natural.
Exemplos de pedras receptoras incluem a pedra-da-lua, água marinha, esmeralda, olho-de-boi, quartzo rosa, turmalina rosa, kunzita, lápis-lazúli e sugilita. São ligadas à Lua, Vênus, Saturno, Netuno, Júpiter e aos elementos Terra e Água.
Nem todas as pedras se encaixam facilmente numa dessas categorias, mas é um bom sistema para nos ajudar a relacionar as pedras com seus poderes básicos. Algumas contêm uma mistura dessas energias, como o lápis-lazúli. Outras possuem usos que não correspondem a essa classificação simples, logo aplique seu julgamento para determinar os poderes principais.
Lembre-se: este é um sistema para ser usado em seu benefício e não pode estar certo o tempo todo.

Anúncios

Mais sobre pedras

Energizando as pedras

Antes de usá-las em magia, as pedras precisam ser “carregadas” ou “programadas” com energia. Isso é feito simplesmente segurando-a na mão emissora (geralmente a direita, ou a esquerda para canhotos), visualizando sua necessidade mágica e vertendo energia de seu corpo para a pedra.

Esta energia é poder pessoal. Reside em todos nós e pode ser transferida de nossos corpos para as pedras, velas, metais e outros objetos, a fim de nos auxiliar a alcançar nossos objetivos mágicos. A transferência desta, ou de outras formas de energia natural, é o cerne da magia.

Veja o poder fluindo para fora de seu corpo, por sua mão emissora e para o interior da pedra. Carregue-a com a energia de sua necessidade mágica – amor, dinheiro, poder, saúde.

Quando sentir que a pedra está vibrando com seu poder pessoal, a carga está completa. Esse processo simples, efetuado antes de cada ritual, intensificará bastante os efeitos de sua magia com pedras.

 

O Altar de Pedras

Se quiser, faça sua magia – ao menos aquela que ocorre dentro de casa – num “altar de pedras “. É claro que não se trata de um lugar para adorarmos as pedras, mas de um local separado para a prática da magia.

O altar ideal é montado apoiando-se uma grande placa de mármore, ou outra pedra qualquer, num tronco de árvore de superfície plana, numa cômoda, escrivaninha ou mesinha de centro. Este simples ato cria o altar em si, no qual você trabalhará com os instrumentos de magia com pedras. Caso contrário, qualquer mesa serve.

Geralmente, colocamos objetos mágicos no altar. Podem ser “amuletos da sorte”, pedras ou metais poderosos, como cristais grandes de quartzo, pedras-cruz, estaurolitas, magnetitas, fósseis, lava e opalas.

Esse é o lugar para limpar e purificar as pedras, harmonizar-se com elas e fazer magia. Muitos dos encantamentos mencionados nesse livro envolvem o uso de pedras e velas, e é sobre esse altar de pedras que elas são acesas.

Incenso, flores e outros objetos mágicos podem ser adicionados ao altar de pedras contanto que estejam em harmonia com a necessidade mágica, ou se você os considerar “objetos com poderes” – aquelas coisas que aumentam ou melhoram sua capacidade de evocar e enviar energia.

O altar de pedras é um lugar de magia.

Os poderes das pedras

 

Casa Mystica: Bruxaria Natural - O Poder das Pedras e Cristais -...:

Uma mulher está em seu jardim sob o luar. O vento ergue-lhe a mantilha e a luz prateada a envolve. Nas mãos levantadas para o alto ela tem um cristal de seis faces. Ela observa a pedra brilhante, sentindo suas vibrações esquisitas e perturbadoras.

Conforme a brisa se vai, tudo silencia no círculo de velhos pinheiros que rodeia a figura. A lua parece brilhar mais forte e a mulher sente sua luz reconfortante irradiando-se do céu para a terra.

A pedra se acalma, as vibrações estranhas diminuem por instantes para se intensificarem em seguida, concentrando-se numa pulsação regular de energia.

Quando a mulher ergue mais o cristal, o poder invade-lhe os braços, fluindo através de seu corpo numa série de descargas agradáveis de energia.

Ela se sente vibrante e poderosa. Depois de muito tempo, a figura abaixa a pedra e, impulsivamente, toca a fronte com ela. O trabalho está feito. O cristal está purificado e pronto para a magia.

As pedras podem estar enterradas profundamente no solo ou expostas à luz do sol e das estrelas. São embaçadas ou brilhantes, compactas ou ásperas. São comuns as azuis, verdes, vermelhas e outras cores que nenhum arco-íris se atreve a mostrar. Ágatas abundantes e esmeraldas caríssimas. Turmalinas tricolores transparentes e mármore opaco. Sugilita violeta e cristal de quartzo transparente.

As pedras são dádivas da Terra. São manifestações das forças universais – da “divindade”, da “deusa”, do “Deus”, do “destino” – que criaram tudo o que existe, tudo o que existiu e tudo o que potencialmente pode existir.

A Terra é uma minúscula partícula de uma vasta rede energética. Embora criado por ela, nosso planeta agora contém suas próprias vibrações. Alguns desses poderes, e suas manifestações, são graduados e moldados para nos beneficiarem.

As pedras são pilhas mágicas que contêm e concentram as energias da Terra. Muitas também simbolizam, ou são influenciadas, pelos planetas e astros do nosso sistema solar. Outras há muito são associadas com estrelas distantes.

A relação entre magia e pedras é muito antiga. Rochas esculpidas pela chuva e pelo vento que ficaram com a forma de animais têm sido usadas como símbolos e centro de rituais muito mais antigos do que seus registros.

Há dez mil anos, gemas faiscantes são usadas para proteção contra o desconhecido. Pedras raras, que possuem formas estranhas ou propriedades elétricas ou magnéticas, há muitíssimo são instrumentos de magia.

Nos tempos primitivos, as pedras eram esculpidas para formar imagens religiosas ou mágicas por natureza. Elas também forneciam material de construção. Instrumentos feitos de pedra trituravam grãos, modelavam vestimentas, extraíam espinhos e eram usadas em cirurgias. As armas de pedra protegiam ou terminavam com a vida. As rochas eram aquecidas para esquentar a água muito antes que os vasilhames à prova de fogo fossem inventados. As pedras eram ao mesmo tempo belas e úteis, sagradas e profanas.

Através dos tempos, o homem contou com as pedras para garantir a concepção, facilitar o parto, promover a segurança e a saúde pessoal e proteger os mortos. Mais recentemente, elas foram usadas em magia para transformações internas ou externas. Pedras-da-lua (adulárias) foram usadas para desenvolver poderes nos sensitivos. A ametista acalmava o temperamento, o peridoto era usado para alcançar riquezas, o quartzo rosa atraía o amor.

Atualmente, cinco mil anos de magia das pedras está à nossa disposição e muita gente está descobrindo os poderes nelas contidos. Trabalhando com elas, essas pessoas, magos (naturais) das pedras, estão transformando suas vidas.

O que é, afinal de contas, essa magia das pedras? Como umas poucas pedras arrancadas do chão sujo podem influenciar alguma coisa? Por que os cristais de quartzo, dentre tudo aquilo que é tecnológico em nossa era, são vendidos em quantidades maiores do que videocassetes?

As pedras, como as ervas, cores, metais, números e sons não são inertes. Elas podem ficar tranqüilas no solo durante milhões de anos ou estar numa prateleira onde as colocamos na semana passada, mas são ativas, instrumentos poderosos que possuem energias capazes de influenciar nosso mundo. As pedras são dádivas da Terra que podemos usar para melhorar nossas vidas, relacionamentos e a nós mesmos. Muitas são fáceis de encontrar, e baratas, enquanto outras podem ser carinhosamente recolhidas do chão.

A magia das pedras desenvolve-se com idéias simples e produz resultados objetivos. Usar uma pedra em magia coloca em ação suas influências e energias. Magia é dirigir essas energias. Se você decidiu sintonizar-se e trabalhar com pedras, seja bem-vindo ao mundo da magia dos cristais. Talvez você nunca mais o deixe.

Que segredos existem no seixo corroído pela água na praia? Que energias pulsam escondidas na pedra em seu dedo, nas gemas ao redor do pescoço? Será que as pedras do chão onde está caminhando podem atrair o amor para a sua vida ou ajudá-lo em suas finanças?

Encontre as respostas sozinho. Os poderes contidos nas pedras estão disponíveis a qualquer um. Use os tesouros da Terra com sabedoria e eles o abençoarão com tudo o que você realmente necessita.

CRISTAIS


Os Pagãos sempre acreditaram que as pedras são as guardiães da sabedoria ancestral do início dos tempos. A Tradição Antiga sustenta a teoria do poder da imanência. Sendo assim, tudo o que é energia é vida e podemos afirmar que os cristais são vida.
Os cristais funcionam como condutores e amplificadores de energia e por isso funcionam como um elo de ligação entre as energias de nossos corpos : físico, etéreo, mental, emocional, astral, causal e corpo de luz. Por isso podem auxiliar nos processos de cura, energizações, meditações, rituais, além de estimularem sonhos proféticos e importantes revelações sobre nossas encarnações anteriores.
Quando dirigimos um pensamento a um cristal, estamos transformando-o em um objeto capaz de atrair boas energias e barrar as energias contrárias.

ENERGIZAÇÃO E CONSAGRAÇÃO DOS CRISTAIS
Podemos consagrar e energizar um cristal com o poder de cura dos Deuses, e para isto temos o Ritual de Consagração do Cristal descrito a seguir. Adquira um cristal, duas velas brancas para o Altar, uma tigela com água fresca (de chuva), um prato de areia, terra ou sal, um incensório contendo incensos de Olíbano, Mirra, Noz Moscada, Patchuli, Rosa, Açafrão ou Sândalo. Realize este ritual numa noite de Lua cheia para limpar o cristal das influências negativas e carregá-lo somente com o poder de cura dos Deuses. Prepare seu Altar, colocando uma vela em cada lado e acenda-as. Disponha a tigela de água, o prato de terra, o incensório ao centro e acenda o incenso. Agora pegue o Cristal com sua mão direita e passe-o pela fumaça do incenso escolhido enquanto diz:
“Pelo poder da Deusa e pelo e místico elemento Ar eu consagro e dedico este Cristal como instrumento mágico de cura.”
Coloque delicadamente o cristal no prato de areia, terra ou sal e diga:
“Pelo poder do Deus Pan e pelo antigo e místico elemento Terra eu consagro e dedico este Cristal como instrumento mágico de cura.”
Atire algumas gotas de água sobre o Cristal e diga:
“Pelo poder do Universo e pelo antigo e místico elemento Água eu consagro e dedico este Cristal como instrumento mágico de cura.”
Mova o Cristal de leste para oeste num círculo em torno da chama de cada vela, enquanto diz:
“Pelo poder do amor e pelo antigo e místico elemento Fogo eu consagro e dedico este Cristal como instrumento mágico de cura. Que este Cristal de poder trabalhe pelo meu bem e pelo bem de todos. Assim seja. “
Após ter realizado este ritual, coloque o Cristal entre as palmas das suas mãos para que se harmonize com sua aura e consciência Espiritual. Respire gentilmente sobre ele enquanto lhe dirige seus pensamentos e intenções. O Cristal imantado então responderá à energia da sua vontade.
Para energizar os cristais, devemos colocá-los , na terra por 24h, no sol e na lua por 48h (24hs em cada), na água por mais 24h e depois acender um incenso e passá-los pela fumaça. Todo este processo só é necessário ser feito pela primeira vez após a compra, para que as energias do local onde eles estavam sejam eliminadas, restando somente as suas energias, para a limpeza, pois após algum tempo eles ficam cheios de energia, basta colocá-los em uma vasilha com água e sal grosso de um dia para o outro.

RELAÇÃO DAS PEDRAS COM OS SIGNOS DO ZODÍACO
ÁRIES: rubi, jaspe, hematita, granada, rubelita, zircão
TOURO: quartzo verde, aventurina, turmalina verde, esmeralda, mármore
GÊMEOS: citrino, Berilo ouro, ágata, cornalina, sardônix,
CÂNCER: pedra da lua, quartzo branco, pérola, madrepérola, calcedônia
LEÃO: topázio amarelo, pirita, olho de tigre, zircão amarelo, âmbar, fenacita, fluorita amarela, olho de gato, peridoto
VIRGEM: ágata musgosa, ágata marrom, apatita, cornalina, sardônica,
LIBRA: água marinha, quartzo rosa, crisopráso, crisocola, rodocrozita, rodonita, esfênio verde, peridoto, malaquita
ESCORPIÃO: granada, quartzo fumê, jaspe sanguíneo,
SAGITÁRIO: turquesa, topázio azul, kunzita púrpura, sodalita, quartzo azul, lápis-lazúli,
CAPRICÓRNIO: ônix, obsidiana, turmalina negra, madeira petrificada, alexandrita
AQUÁRIO: safira, aventurina calcedônia, opala, quartzo branco
PEIXES: ametista, água-marinha, quartzo branco, coral,

PROPRIEDADES DOS CRISTAIS

ABALONE (concha orgânica) Ajuda a desenvolver a intuição e clarividência

ÁGATA (cristal) Ilumina a mente, dá coragem e ajudam a obter equilíbrio.

ÁGATA DE FOGO (cristal) Traz poder, dinheiro, força, brilho e sedução. Está relacionada ao signo de Áries.

ÁGUA MARINHA (cristal) Influencia a coragem, equilibra o chacka plexo solar se usada próxima ao coração e equilibra as emoções. Relaciona-se ao signo de Peixes.

ALEXANDRITA (cristal) Protege o sistema nervoso, se usada consigo, permite descobrir mentiras.

AMAZONITA (cristal) Facilita a obtenção de sucesso , fortalece o coração, estimula sorte em jogos de azar, traz sucesso e poder nos negócios.

ÂMBAR (cristal – seiva de fóssil) Alívio de dores de cabeça, estabilizador geral e também é utilizado para proteção contra energias negativas, quando utilizado no umbigo, não permite nem a entrada e nem a saída de energias no corpo.

AMETISTA (cristal) Rege o signo de Peixes, responsável pela transmutação de energia, atua contra insônia. Afasta dinheiro, por ser uma pedra zen. Não traz problemas se utilizada junto a uma pirita (pedra do dinheiro).

APATITA AZUL (cristal) Estimula a clarividência.

AZURITA (cristal) Estimula a criatividade, o lado artístico, motiva o raciocínio. Não deve ser colocada na água, pois ela derrete

BRONZITA (cristal) Estimula exercícios físicos, favorecendo o centro motor.

CALCITA AMARELA (cristal) Incentiva a inteligência, ajuda na projeção astral.

CALCITA BRANCA (cristal) Relaciona-se ao lado espiritual

CALCITA CINZA (cristal) Traz serenidade e paz.

CALCITA MEL (cristal) Atua no lado intelectual.

CALCITA VERDE (cristal) Ajuda na cura mental, trazendo equilíbrio.

CALCITA VERMELHA (cristal) Traz maior aceitação da vida, estimulado o lado sentimental.

CITRINO (cristal) Para quem não gosta de receber críticas. Ajuda também a juntar dinheiro. Na 1ª Lua Crescente do mês, pegar uma taça com água cristalina, colocar 1 pirita, 1 citrino e 1 moeda de R$ 1,00, deixar no lugar mais alto da casa.

CORAL (cristal – gema orgânica) Estimula as vendas, protege contra o mau-olhado.

CRISOPRÁSIO (cristal) Utilizada para atrair dinheiro, estimula a sexualidade.

CRISTAL DE QUARTZO (cristal) Ideal para cura e harmonia do ambiente. É o cristal da sabedoria, do misticismo e da clarividência

CRISTAL RUDILATO (cristal) Conta a lenda que um gnomo desajeitado, estava apaixonado por uma fada da floresta, por sua vez esta fada não ligava para o coitado, que vivia um amor impossível. Um belo dia a fada cortou seus cabelos na beira do rio e o gnomo para ter uma lembrança dela, petrificou seus fios de cabelo, ela vendo tamanho amor, se apaixonou pelo gnomo. Este cristal é utilizado para realizar coisas impossíveis, devendo apenas mentalizar seu desejo nele.

DIAMANTE (cristal) Fortalece as funções cerebrais, quebra os bloqueios do chakra coronário

ESMERALDA (cristal) Utilizada para atrair riqueza, e também possui um enorme efeito curativo.

ENXOFRE (cristal – vulcânico) Utilizado para tratamento de doenças respiratórias.

FELDSPATO (cristal) Traz sucesso no amor.

FLUORITA AMARELA (cristal) Para trazer sabedoria, conhecimento e inteligência.

FLUORITA AZUL (cristal) Equilibra as emoções.

FLUORITA BRANCA (cristal) Ajuda a limpar o espírito.

FLUORITA PÚRPURA (cristal) Aumenta o equilíbrio espiritual.

GRANITO (cristal) Ajuda-nos a encontrar o caminho espiritual, para nossa evolução.

HEMATITA (cristal) Fortalece a auto confiança, utilizada também para curar dor de estômago (colocar 3 pedras em 1 litro de água por 7 dias, depois tomar a água). Afasta futuros pretendentes no amor.

JADE (cristal) Canaliza a paixão, traz paz, harmonia e saúde, estimula a concentração e o desenvolvimento psíquico

JASPE (cristal) Propriedades curativas.

LÁPIS LAZÚLI (cristal) Tem propriedades de cura, purificação e rejuvenescimento. Era usada pelos egípcios na mumificação.

LABRADORITA (cristal) Ajuda na clarividência.

OBSIDIANA (cristal) Para incentivar a realização do que se quer.

ÔNIX (cristal) Afasta inveja, mal –olhado, energias negativas. Seu uso é ideal para pessoas dispersas. Rege o signo de Capricórnio.

OPALA (cristal) Promove sentimentos de amizade. Contém água, fogo e éter. Utilizada também para viagem astral (Chakra frontal)

PEDRA DA LUA (cristal) Ajuda no desenvolvimento da intuição. Absorve a energia da lua.

PEDRA DO SOL (cristal) Mantém o sucesso em todos os sentidos. Rege o signo de Leão. Existem dois tipos desta pedra a indiana e a brasileira.

PIRITA (cristal) Pedra que atrai dinheiro e riqueza. Útil no tratamento de problemas respiratórios.

QUARTZO AZUL (cristal) Desenvolve a paciência e tolerância.

QUARTZO ROSA (cristal) É a pedra do amor, ajuda a aumentar a auto-estima, e nunca deve ser presenteada à pessoa amada, pois ela manda o amor embora. Deve ser mantida com a pessoa que já tem um grande amor e não quer perdê-lo.

QUARTZO VERDE (cristal) Utilizado para saúde, na água para beber ou no banho.

RODOCROSITA (cristal) Para estimular o amor em outra pessoa, para sedução, presentear, ou para uso pessoal, pedra para enfeitiçar outra pessoa, presentear esta pedra purificada, para conquistar seu amor.

RUBI (cristal) Fortalece o coração, auxilia na concentração, estimula força de vontade, iniciativa, impulso, ação. Rege o signo de Áries.

SAFIRA (cristal) Para quem quer manter amizades fiéis, utilizar junto a si, estimula meditação profunda.

TURMALINA AZUL (cristal) Permite ter um sono tranqüilo.

TURMALINA NEGRA (cristal) Repele a energia negativa e a inveja. Segundo os chineses é a pedra da longevidade.

TURMALINA MELANCIA (cristal) Equilibra o físico e o emocional.

TURMALINA ROSA (cristal) Sua presença gera alegria e entusiasmo.

TURMALINA VERDE (cristal) Purifica e fortalece o sistema nervoso.

TURQUESA (cristal) Absorve sentimentos negativos. Rege o signo de Aquário.

Pedras e cristais

Significado de Pedras

Ágata

 

Esta pedra fortalece o coração, da coragem e é um antídoto contra venenos: Diz-se que a ágata abaixa as febres e tem até mesmo a propriedade das águas refrescantes. Aguça a visão, ilumina a mente, concede eloqüência, auxilia na descoberta de tesouros e atrai heranças.

Ágata Musgosa

Aumenta a vitalidade. Amuletos de ágata são úteis contra picadas de cobra, paralisia e enfermidades mentais. Esta pedra também fortalece o poder do sol em seu usuário, aperfeiçoa seu ego e sua auto – estima, assim como o desejo sexual.

Água Marinha

É a pedra dos videntes e dos místicos de alma pura que sentem tudo, da clareza de visão mental e da onisciência. É boa para os olhos. Recomenda-se seu uso perto do coração para assim influenciar o plexo solar. Quem a possui torna-se jovem e corajoso, com um coração verdadeiro e quente, ama família e amigos participa de um casamento feliz. Auxilia contra dores nervosas, perturbações glandulares, problemas com os pescoços, o queixo e a garganta, contra dores de dente, tosse e estômago. Protege os marinheiros.

Alexandrita

Variedade verde-escuro crisoberilo à luz natural, e vermelha na luz artificial. Seu nome vem do Czar Alexandre II. Permite descobrir a mentira e o engano em pessoas próximas. Protege o sistema nervoso e alivia vários tipos de câncer.

Amazonita

Exerce poderosa influência no jogo facilitando a obtenção de sucesso. Ajuda a aperfeiçoar a expressão corporal. Alivia e acalma o cérebro e o sistema nervoso. Fortalece o coração e o corpo físico. Auxilia no parto. Acentua qualidade masculina. Bom para quem está envolvido na atividade artístico.

Âmbar

É a seiva fóssil de um pinheiro que existiu há milhões de anos. Capturados dentro desta resina encontram-se com freqüência pequenos insetos, flores e sementes de oriente pré-histórico. O âmbar detém o poder de afastar doenças do corpo. É benéfico colocar a pedra numa parte do corpo com desequilíbrio ou com dor. Ela absorverá a energia negativa e ajudará o corpo a receber-se. Também é indicado para pessoas com tendência suicidas ou auto destrutivas.

Pedra da Lua

Absorve energia da lua, acalma a mente e está relacionada com as emoções humanas. Utilizada contra stress e depressões. Serve para nos proteger contra tendências auto destrutivas. Ajuda aos homens a atrair o elemento feminino, assim como outorga um imenso poder de sedução.

Pirita

Útil no tratamento de problema respiratório, aplicada na garganta. Ajuda na bronquite e alergias. Pela sua semelhança ao ouro, é considerada a pedra que atrai dinheiro e riqueza, assim como facilita realizar bons negócios.

Quartzo Azul

Auxilia o desenvolvimento da paciência, tolerância e compaixão. É calmante, anti-inflamatório e regula os hormônios. Útil contra o desconforto no período menstrual. Favorece as relações e a expressão, estimulando o comportamento casual e espontâneo.

Quartzo Rosa

O rosa é suave e calmante desta pedra, serve para curar mágoas acumuladas pelo coração. Ela dissolve a carga acumulada que reprimem a capacidade de dar e receber amor. Emana uma energia que substitui as tristezas, temores e ressentimentos, e revolve os problemas emocionais.

Quartzo Verde

Fortalece a saúde em geral, tonifica e estimula a circulação sangüínea e restabelece a energia do corpo. Da sorte no amor e no jogo.

Rodocrosita

Alivia e acalma o coração. Tem forte influência no processo criativo e da mente intuitiva e ajuda na depressão. Cria sentimento de paz, e calor humano.

Rubí

Auxilio na concentração e dá força mental. Fortalece o coração. Deveria ser usado com prata na mão esquerda. Trabalha com o sangue e a circulação.

Safira

Contra as influências negativas. Alivia contra reumatismo, ciática, dores nevrálgicas, epilepsia e histeria. Estimula a oração e a meditação profunda.

Sodalita

Fortalece a comunicação e expressão criativa. Ajuda a ser mais objetiva e menos críticos sobre os modos de lidar com a existência. Ensina a examinar as metas depois que elas forem atingidas. Estimula a coragem e a persistência.

Topázio

Promove a paixão e alivia o medo. Dá força e inteligência. Magnetiza nosso ser. Estimula a clareza mental. Seu brilho diáfano nos favorece alegria de viver e de enfrentar a vida com otimismo fé no futuro. Carrega-la no bolso e toca-la em período de dúvida e incerteza pára ajudar na tomada de decisões corretas.

Turmalina Azul

Estimula o bom funcionamento do pulmão; laringe e garganta. Ajuda na insônia e permite ter um sono tranqüilo e reparador.

Turmalina Negra

Repele a energia negativa. Desfaz medo e condições negativas. Aumenta a sensibilidade, inspiração e compaixão, compreendendo-as melhor. Grande poder de cura, forças elétricas bem fortes. Nivela os relacionamentos. Ampliador dos pensamentos.

Turmalina Rosa

Ela é a doadora do amor na esfera material. Sua mera presença gera alegria e entusiasmo pela vida. Utilizar, carregar, usar a turmalina rosa ou com ela meditar, inspirará o coração a livrar-se de mágoas passada e voltará a confiar na força do amor.

Turmalina Verde

Trata-se de uma pedra curativa em todos os sentidos. Ela é capaz de purificar e fortalecer o sistema nervoso, capacitando-o a conduzir quantidades maiores de força espiritual.

Turquesa

Tem a capacidade de absorver sentimentos negativos que poderiam vir a seu portador. Sua cor muda quando o portador esta doente ou quando algo desagradável esta para acontecer. Protege contra a poluição do ambiente. Melhora a meditação, circulação e paz de espírito. Grande poder de cura. Pedra sagrada para budistas tibetanos. Um símbolo do mar e céu. O mar fala da profundeza da alma e o céu fala da ascensão ilimitada.

A maneira mais simples de se expor às radiações de uma pedra é usa-la contra o corpo, esteja vestido ou não. Nunca usar sacos plásticos para envolver as pedras. As pedras agem mais sobre o corpo etéreo do homem do que sobre o corpo físico, auxiliando também o fortalecimento da mente e da vontade.

Existem pedras elétricas que doam energias e pedras magnéticas que as recebem. Não que elas tomem a força vital da pessoa, mas recebem as energias negativas a ela dirigidas. Exemplos de pedras magnéticas são os Quartzo Rosa e a Ametista, que às vezes se partem no trabalho de aliviar uma carga pesada.

Quanto mais pedras preciosas uma pessoa usar, mais fortemente ela será carregada de forças cósmicas, que se irradiarão por tudo que a cerca.

Podemos reconhecer as virtudes das pedras por três características principais:

  • Sua coloração;

  • Sua composição;

  • As formas de seus cristais.

Pela Coloração

A arte de polir uma pedra preciosa, de maneira a revelar a sua cor, era altamente desenvolvida na Índia antiga. O ato de mudar as cores das gemas por um calor muito intenso foi praticado desde os tempos primordiais. Nesse sentido, o homem imita a Natureza, que produz cores tão agradáveis nas pedras com as elevadíssimas temperaturas das erupções vulcânicas. A Ametista, por exemplo, que é essencialmente um tipo púrpura de cristal de rocha, é aquecida a 400 graus para adquirir um tom amarelo-dourado. E é então vendida como Topázio (Citrina). A Água Marinha verde também é aquecida até perder sua cor, mas quando esfria, torna-se azul. O Topázio Rosa é conseguido com o aquecimento do Topázio Marrom Avermelhado.

As pedras podem ser facilmente divididas entre cores positivas, negativas e intermediárias. As cores positivas são Yang (elétricas, ação) e as cores negativas são Yin (absorvem, magnéticas). As cores intermediárias são harmonizadas, produzem equilíbrio e promovem equidade. São elas:

Positivas

Vermelho: Rubi, Jaspe Vermelho, Hematita

Laranja: Cornalina Laranja, Topázio, Jacinto

Amarelo: Citrina, Topázio, Safira

Ouro:    Pirita, Solita, Olho de Gato

Amarelo:Esverdeado: Serpentina

Negativas

Verde Azulada: Turquesa, Água Marinha

Azul: Safira, Lápis-Lazúli

Púrpura: Ametista Púrpura,

Marrom: Cornalina, Titanita, Sílex

Cinza: Quartzo Acinzentado

Prata:    Pedra da Lua

Intermediárias

Verde: Aventurina, Olivina, Esmeralda

Conhaque: São variedades do marrom

O preto (Ônix e Azeviche) incentiva o pensamento abstrato e também a seriedade e o controle.

O branco (Calcedônia e Serpentina) tem afinidade com o corpo etéreo do homem, fortalecendo-o e mantendo-o limpo.